top of page

Como estabelecer uma parceria entre família e escola

Por Poliedro Colégio


Ao longo da vida, destinamos um tempo considerável à educação escolar. Do Ensino Fundamental ao Médio, são cerca de 12 anos dedicados quase que diariamente à formação básica.


Durante esse período, estudantes, professores e comunidade compartilham experiências, vivências e aprendizagens que se constroem dentro e fora dos muros da escola.  É nesse espaço que damos os nossos primeiros passos como cidadãos em formação, aprendemos a aspirar por um futuro justo e amadurecemos os nossos sonhos.


Ali, compreendemos que o conhecimento não acontece em um único lugar, fechado, apartado da coletividade, pois a escola é um espaço que depende de união, partilha e engajamento de todos para que se possam alcançar os melhores resultados no processo de ensino-aprendizagem.


Todos contribuem para que a vivência escolar seja sempre a mais harmônica possível, a mais completa. Nesse sentido, a parceria da escola com pais e cuidadores é uma peça fundamental, pois a interação é um dos pilares que viabilizam a formação integral do estudante, o seu preparo para o mundo.


Quer saber como acontece uma boa parceria entre escola, pais e responsáveis? Nós do Poliedro Colégio consideramos que estreitar esses laços é essencial para a formação do seu filho! Por isso, preparamos um artigo para que você possa dar, conosco, os primeiros passos nessa relação.


Boa leitura! 😊


sala de aula
Imagem: divulgação Poliedro Colégio

 

1)  Compreender o funcionamento escolar

Um dos modos de estreitar a relação com a escola do seu filho é se dedicar a conhecer a dinâmica de funcionamento do espaço.

Para obter bons resultados no processo de ensino-aprendizagem, a escola dispõe de algumas estratégias, como, por exemplo, o Projeto Político Pedagógico (PPP), o calendário de atividades, a estrutura escolar e as ferramentas de apoio pedagógico.

Mas, afinal, por que devo conhecer essas estratégias?

Primeiramente, faça uma visita e conheça as instalações físicas da escola. É importante que o espaço seja organizado, bem estruturado e promova uma atmosfera em que o estudante possa se sentir à vontade para exercitar sua curiosidade, sua criatividade e aprimorar suas competências.

Já a partir do Projeto Político Pedagógico, pais e responsáveis podem se familiarizar com os valores e com os objetivos que pautam as práticas pedagógicas e de gestão de determinado ambiente educacional.

Somado a isso, inteirar-se acerca do calendário escolar também é uma ótima estratégia, pois, por meio dele, você poderá acompanhar e se programar para participar das reuniões e atividades programadas durante o ano letivo.

Por fim, é interessante ainda buscar saber quais ferramentas de apoio pedagógico são utilizadas naquele espaço, como plataformas de aprendizagem, aplicativos etc. Isso te dará dimensão sobre como a escola faz uso das tecnologias para ampliar o repertório dos estudantes e dos professores.

 

2)  Abrir as portas para o diálogo

A escola é feita a muitas mãos, por isso é interessante dialogar com quem colabora para que esse ambiente funcione em harmonia. Nesse sentido, procure estabelecer contato com os gestores (coordenadores pedagógicos e orientadores educacionais), pois eles são responsáveis por realizar o acompanhamento dos estudantes de maneira integral.

Estreitar essas relações é um ótimo caminho para se manter a par das evoluções e possíveis necessidades demonstradas pela criança ou adolescente.

Como fazer isso?

– Participe das reuniões escolares e se apresente para a equipe escolar.

-Converse sobre como a escola coloca em prática as estratégias de ensino-aprendizagem.

– Pergunte, sempre que necessário, sobre o desenvolvimento e o comportamento do estudante na escola.

 

3)  Acompanhar o desenvolvimento sociocognitivo do seu filho

Estar mais próximo da escola é um modo de colaborar com o desenvolvimento sociocognitivo do estudante, isso porque o ambiente escolar e a casa são complementares — o conhecimento que se inicia em um lugar tem continuidade em outro.

Dessa forma, demonstre interesse na rotina escolar do seu filho, acompanhe as atividades programadas para casa, incentive a busca por soluções criativas de problemas, fortaleça a autonomia, mas sempre tendo atenção às demandas que o estudante apresenta.

 

4)  Ampliar o espaço para as trocas

A aprendizagem é um caminho singular para cada um, ou seja, há muitas formas para consolidar os conhecimentos, explorar potencialidades e minimizar déficits.

Quem melhor que a família para saber quais os pontos fortes e fracos do estudante? Compartilhar essas informações com a escola amplia consideravelmente o espaço para as trocas e para a efetividade no aprendizado de cada estudante.

Desse modo, a parceria que a família constrói com a escola é um potente aliado com o compromisso da formação integral do estudante.

 

O Poliedro acredita no poder da educação e nos bons frutos que resultam da relação entre família e escola, por isso não deixe de conhecer nossa história. Aqui, pautamos pelo ensino a partir da excelência pedagógica, do respeito pela diversidade e pelos diferentes modos de se aprender.

As nossas portas estão sempre abertas e estamos prontos para te acompanhar nessa jornada!



Saiba mais sobre o Poliedro Colégio


No Poliedro Colégio, você encontra um ensino de excelência, tecnologias educacionais de ponta, apoio socioemocional e ferramentas para impulsionar os estudantes. Tudo é pensado para que eles tenham autonomia para construir a sua própria aprendizagem. Afinal, há 30 anos, o Poliedro é assim: acolhe, ensina e prepara estudantes para a vida.


Comentarios

Obtuvo 0 de 5 estrellas.
Aún no hay calificaciones

Agrega una calificación
bottom of page