top of page

Mas afinal de contas, o que é sustentabilidade?

Por Movimento Escolas pelo Clima


Não é de hoje que a pauta ambiental e a palavra “sustentabilidade” ocupa com um destaque os noticiários, agendas internacionais e discursos de representantes e líderes pelo mundo todo. Diversos acordos globais, políticas públicas, robustos departamentos de sustentabilidade em empresas e lideranças jovens mobilizando o mundo todo estão presentes cada vez mais em nosso cotidiano. Entretanto, toda essa movimentação ainda não atingiu todas as pessoas nem o ritmo ou urgência necessários, visto os desafios socioambientais que seguimos enfrentando.


Mas afinal de contas, o que é sustentabilidade?

A busca por uma definição, por vezes, engessa as possibilidades e, portanto, é importante a compreensão da sustentabilidade como um valor e não um conceito. Além disso, é essencial a continuidade do diálogo sobre o que isso significa, suas implicações práticas com análise crítica da conjuntura e como é aplicada no contexto da escola.


Muitas pessoas têm a ideia de que sustentabilidade é fazer coleta seletiva, reciclagem, ter uma horta em casa ou economizar água. Outros, já conhecem uma de suas definições mais clássicas: “o atendimento das necessidades das gerações atuais, sem comprometer a possibilidade de satisfação das necessidades das gerações futuras”, escrita no Relatório Brundtland em 1987. Não são visões equivocadas, mas atualmente temos a compreensão de que a sustentabilidade vai muito além.


Sustentabilidade pode ser vista como o equilíbrio dos seres, de seus relacionamentos e do meio ambiente: eu comigo, eu com o outro e eu com o mundo. Num ambiente sustentável, os seres (humanos ou não), devem viver com saúde, qualidade de vida e bem-estar. Além disso, a relação entre eles também deve ser harmônica e respeitosa. Por fim, mas não menos importante, é o ambiente em que esses seres vivem. Existem recursos para todos? É um ambiente que consegue se manter ao longo do tempo?

Imagem: Wix


Existe também uma linha de pesquisadores e pensadores que traz, para além apenas da sustentabilidade (no sentido de conseguirmos nos manter ao longo do tempo) a necessidade de uma regeneração daquilo que já foi degradado. Nesse sentido, uma outra definição de sustentabilidade é complementar: “a busca permanente da manutenção dos processos tipicamente humanos (culturais, políticos, econômicos, sociais, etc.) sem que estes prejudiquem e, idealmente, melhorem, os processos biogeoquímicos, garantindo a manutenção e aumento da diversidade e da biodiversidade”.


Mais do que nos prendermos na definição em si, é essencial e urgente que continuemos na busca pela sustentabilidade enquanto um valor que deve estar presente em todos os espaços, pessoas e culturas. Um valor que almeja o bem-estar de todos os seres do planeta e cuida de toda forma de vida é um ótimo caminho a ser seguido, você não acha?


Artigo: Escolas pelo Clima



Você sabia que no Buscador de Escolas Particulares SchoolAdvisor você pode identificar quais são as escolas que estão realmente engajadas com a educação ambiental e que adotam práticas sustentáveis no seu dia a dia?

Sempre que você encontrar esse selo no buscador de escolas SchoolAdvisor, você já sabe que é uma escola signatária do Movimento Escolas pelo Clima que está comprometida com a educação climática e com a formação dos seus alunos através das suas práticas pedagógicas.


Para encontrar no buscador de escolas particulares SchoolAdvisor as escolas que atendam aos seus critérios de escolha, utilize o filtro "Escolas pelo Clima" ao refinar sua busca. Ou clique aqui para conhecer todas as escolas signatárias do Movimento Escola pelo Clima.



Quer saber mais sobre o Movimento Escolas pelo Clima? Clique aqui.

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page