top of page

Benefícios do Xadrez

Atualizado: 31 de ago. de 2021

O xadrez é uma excelente ferramenta pedagógica que traz diversos benefícios às crianças que estão na fase das descobertas, questionamentos, desenvolvimento cognitivo, intelectual e emocional.

Jogo de tabuleiro, introduzido muitas vezes como uma atividade lúdica, contém grande importância educativa.



Saiba mais sobre algumas das habilidades desenvolvidas pelo xadrez:


Concentração: xadrez é um jogo que exige bastante atenção durante todos os momentos das partidas. É necessário pensar nas próprias jogadas e nas do adversário! A concentração é fundamental para analisar suas possibilidades e encontrar o melhor lance.


Memória: no xadrez é preciso aprender jogadas e lembrar-se delas durante a partida. Esse exercício estimula e fortalece a memória.


Raciocínio lógico: a cada lance devemos prever qual será a melhor resposta do adversário. Quanto mais realizamos esse exercício mental de pensar numa sequência de jogadas, mais estimulamos o raciocínio.


Paciência: atualmente as crianças recebem muitos estímulos: aparelhos eletrônicos, agenda cheia de compromissos (natação, inglês, futebol, judô, ballet, entre outros) e estão pouco acostumadas a esperar.

Aguardar pela jogada do outro e entender que nem sempre é no tempo em que a criança gostaria ajuda a lidar com a ansiedade.


Criatividade e imaginação: no xadrez, cada peça tem seu próprio movimento e cada lance permite inúmeras possibilidades de jogadas. A criança pode sempre imaginar e criar suas próprias estratégias para atingir o objetivo do jogo: xeque-mate.


Visão Espacial: é a capacidade de percepção mental de formas espaciais. Ela combina o raciocínio lógico e a criatividade para a visualização.

No xadrez o jogador visualiza uma determinada casa do tabuleiro na qual deseja chegar com uma de suas peças. Ao visualizar as possíveis maneiras de atingir esse espaço escolhido a criança trabalha a visão espacial.


Tomada de decisões: a tomada de decisão é um processo cognitivo nem sempre fácil para alguns pois, quando tomamos uma decisão, assumimos os riscos daquela escolha.

O xadrez ajuda esse processo a se tornar mais natural pois a cada jogada a criança tem que escolher um lance apenas: ela tem que decidir! Durante a partida ela entende que quase sempre suas decisões têm consequências boas ou ruins.


Lidar com as emoções: a frustração da derrota, a alegria da vitória, a superação em buscar sempre a melhor jogada, a empatia em compreender e respeitar os sentimentos do outro jogador é uma ótima oportunidade para a criança aprender a lidar com suas emoções e autoestima.


“Jogar uma partida de xadrez é pensar, elaborar planos e também ter uma pitada de fantasia.” (GM David Bronstein)


Natália Baccarin é professora de xadrez e enxadrista há mais

de 30 anos, acumula títulos de campeã pan-americana, brasileira e paulista. Mãe de dois meninos, acredita que o xadrez ajuda o desenvolvimento intelectual e emocional de quem pratica.

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page