top of page

Quais são as motivações para a escolha da escola perfeita?

Pais e responsáveis não precisam sofrer no momento de definir a melhor escola para os filhos. Confira algumas dicas.

Da educação infantil ao ensino médio, a grande preocupação dos pais é encontrar a escola perfeita para garantir o melhor aprendizado para os filhos. Afinal, todos sabem a importância da boa educação para o desenvolvimento pessoal e, também, profissional, criando assim pessoas cada vez melhores para a sociedade.


Muitas vezes, as famílias misturam tantas informações, elencam tantos critérios e mapeiam inúmeras hipóteses que acabam criando um dilema mais genioso que muita “teoria da conspiração”.


É possível até mesmo afirmar que alguns formulam equações mais complexas de resolver que a própria hipótese de Riemann – eleita por diversos matemáticos como um dos problemas mais difíceis da história.

E, claro, esse não é o caminho para conseguir fazer a escolha ideal. E com isso logo surge com mais força a questão: mas então qual a escola perfeita, aquela que garantirá o melhor futuro para o meu filho?



A jornada pela escola perfeita


Antes de mais nada, é preciso ter calma e tranquilidade para começar a colocar organizar as ideias. Aproveitando um ditado popular: “respira e não pira”.

Está mais calmo? Então agora é chegada a hora de conhecer a resposta, que é... não existe escola perfeita! Sei que essa frase não é o que muitos querem ouvir. Entretanto, é preciso aprender a conviver com esta informação para conseguir dar o próximo passo com coerência e “paz no coração”.

Toda instituição de ensino possui pontos positivos e negativos, independentemente do valor que você consiga pagar. Portanto, a definição não está em sacrificar o orçamento familiar para pagar o colégio mais caro, imaginando que todos os alunos de uma instituição assim terão o que muitos costumam dizer: “um futuro garantido”.


"Não existe uma escola perfeita para todo mundo, existe a escola mais alinhada aos seus valores e perfil familiares. Às vezes, o que é a melhor escola para um filho, já não serve para outro" afirma Fernanda Tavolaro, sócia-fundadora da SchoolAdvisor, empresa especializada em escolas.


Números para ajudar na escolha

Encontrar a escola perfeita para o seu filho exige definir o que é inegociável para a família, identificando os pontos realmente considerados fundamentais dentro do leque de opções. Certamente, isso é essencial para proporcionar para a criança ou adolescente uma jornada escolar mais feliz.


Para tirar do campo da subjetividade e transformar essa definição em algo mais objetivo e prático, torna-se necessário contar com a ajuda dos números. Levantamento da SchoolAdvisor demonstra que 86% dos entrevistados consideram recomendações no processo decisório.


Antes da escolha, porém, 80% costumam visitar entre duas e seis escolas. Além disso, 59% utilizam a internet para avaliar os serviços e locais, aproveitando assim as facilidades da tecnologia para reunir uma quantidade maior de informações sobre cada instituição de ensino avaliada.


Independentemente do nível de ensino, alguns atributos destacados pelos entrevistados durante o processo de escolha são: proposta pedagógica (44%); localização (35%); mensalidade (30%) e infraestrutura (30%).


"Alguns critérios podem ser excludentes no momento de escolher uma escola, como a mensalidade e a proximidade da casa ou do trabalho. No entanto, observamos que o que as famílias buscam em uma escola pode variar bastante de acordo com o nível de ensino e com as experiências anteriores dos pais e dos alunos" diz Fernanda.

Pesquisas da SchoolAdvisor trazem detalhes bem interessantes. Nos anos iniciais do ensino fundamental, a grande maioria dos entrevistados destaca como os três critérios mais relevantes: sala de leitura/ biblioteca; estrutura do pátio e refeitório.

Nos anos finais do ensino fundamental, por sua vez, o laboratório de ciências foi o item mais considerado obrigatório, com refeitório e sala de leitura/biblioteca aparecendo logo na sequência.

Já no ensino médio, cinco itens foram considerados por todos os entrevistados como obrigatórios na escolha da escola perfeita: refeitório; laboratório de ciências; laboratório de informática; sala de leitura/biblioteca e estrutura do pátio.


Critérios para encontrar a escola ideal

Agora que já contamos com o suporte dos números, é possível separar algumas dicas para contribuir na escolha da escola perfeita. Como cada etapa possui características diferentes, separamos as sugestões em três partes.


Educação Infantil

Muitas vezes, essa é a escolha que causa a maior apreensão por parte dos pais e responsáveis, pois é a primeira escola. Por isso, o ambiente precisa ser considerado acolhedor, com um processo de integração mais intenso.

A participação da família também costuma ser mais intensa nessa fase, com a segurança das crianças tendo um grande peso na escolha. Tenha em mente a importância de questionar a instituição detalhes sobre o processo pedagógico, pois aqui será formado o alicerce para as próximas etapas.


Ensino Fundamental

Essa fase é mais abrangente, envolvendo os ensinos fundamental 1 e 2. Dessa forma, os critérios para a definição também mudam. Certamente, o desenvolvimento pedagógico exigirá um espaço mais amplo e com outros espaços, como laboratórios.

Nessa fase os filhos já podem ser envolvidos em todo o processo de escolha, indicando preferências. Uma dica importante é fazer uma lista com os critérios considerados prioritários pela família. Isso evitará futuras frustrações com instituições que não se encaixem no perfil desejado.


Ensino Médio

Nessa reta final, os critérios já estão mais relacionados com os objetivos do estudante. O que seu filho pretende fazer na sequência? Seguir diretamente para a faculdade ou seguir os estudos no exterior? Quem sabe o caminho é tentar uma vaga no mercado de trabalho com o conhecimento adquirido em um ensino técnico?


Com um caminho definido fica mais fácil encontrar a escola ideal para essa fase. Certamente, o processo de decisão tem que estar bem alinhado entre os pais e os filhos.


Como já diz o ditado, toda escolha também é uma renúncia. Entretanto, isso não significa sofrer com as decisões. Como já destacamos, alinhar as decisões com os valores da família torna todo o processo mais fácil e assertivo.

"Escolher uma escola não precisa ser um processo solitário e cheio de dúvidas. Foi pensando em ajudar as famílias neste momento que criamos uma série de ferramentas gratuitas. A SchoolAdvisor conta com soluções que contribuem para as diversas etapas do processo decisório" conclui Fernanda.

Para facilitar a tarefa, utilize as ferramentas que a SchoolAdvisor oferece gratuitamente para comparar as instituições e para saber o que as escolas têm para oferecer.



תגובות

דירוג של 0 מתוך 5 כוכבים
אין עדיין דירוגים

הוספת דירוג
bottom of page